Eleição na Federação define nova diretoria

Patrícia Martinez AlmeidaPatrícia Martinez Almeida
 A federação de MS de Ciclismo realizou eleição hoje (10/01) para eleger a nova diretoria da entidade. 

Uma das federações mais organizados, da modalidade, em todo o brasil, de um dos esportes mais praticados na atualidade, conta atualmente com 34 associações com finalidade específica de fomentar o ciclismo no estado de MS. Especialmente a Escola de Ciclismo Marlus de Souza Freitas, que trabalha na inserção de crianças de 08 a 18 anos da periferia de Campo Grande na pratica do ciclismo de forma didática e prática. E, revelou, no mínimo dois talentos promissores em 2020.

Entre os associados também se destaca a equipe ITC Ciclyng Team, que agregou em seus quadros os melhores atletas do estado e tem conseguido resultados brilhantes aqui e fora de Mato Grosso do Sul, na categoria elite, a mais competitiva da modalidade ciclismo de estrada.

Com duas chapas concorrendo para a diretoria da federação, uma encabeçada pelo Sr. Joilson Santos de Paula, Vice-Presidente da Associação Esportiva FireBikers Team. Uma das associações com o maior número de atletas federados na última temporada. E a outra liderada por Patrícia Martinez Almeida, atual diretora da Escola de Ciclismo Marlus de Souza Freitas, sediada em Campo Grande no Parque Ayrton Senna e apoiada pela Federação de ciclismo e FUNESP, Fundação de Esportes de Campo Grande, que tem como diretor presidente o Professor Rodrigo B. Terra.

Com 28 associados aptos a votar a chapa vencedora, com 16 votos a favor e duas abstenções, escolhido de forma democrática pelos presentes, foi a proposta pela Dra. Patrícia Martinez Almeida.

A nova diretoria terá: Patrícia Martinez Almeida, na presidência, Vice-Presidente - Carlos César Gimenes, Diretor Técnico - Ivan Antunes Nogueira, Diretor Adm. Financeiro - Sérgio Queiroz de Souza e como Secretário - Deivimer Gonçalves Nery.

A liderança da comissão de atletas que até a presente data estava indefinida, a assembleia confirmou para presidente Leandro Peres de Matos. Que prometeu um trabalho bastante ativo em favor dos atletas de ciclismo.